@Grahmbel Justiniano de Mello e Silva. Liceu Curitibano Gimnasio Psranaense Colegio Estadual do Paraná

Cerca 5 horas atrás from Roberto Requião's Twitter via Twitter for iPad



Página Incialideias para o ParanáEm oito anos, Governo Requião criou 800.150 empregos formais

Em oito anos, Governo Requião criou 800.150 empregos formais

carteira-600x337“Diz um ditado antigo que os ventos não ajudam marinheiros que não conhecem seus rumos. Pode soprar um furacão. Se o marinheiro não sabe onde ir, vai ficar dando voltas e grande será a possibilidade do naufrágio. Da mesma forma, candidato sem idéia, sem proposta e sem experiência é o mesmo que um marinheiro sem rumo”, definiu o senador Roberto Requião (PMDB/PR), perguntando quais as propostas dos candidatos ao Governo do Paraná e do Brasil para geração e manutenção de empregos formais.
“Para o trabalhador, a carteira assinada é o passaporte para uma vida melhor. Durante o nosso governo o Paraná foi campeão na criação de empregos em todo o Brasil. Batemos recordes nacionais”, lembrou. De 2003 a 2010, segundo o Caged, o Paraná gerou 800.150 empregos formais. Uma das medidas que gerou este número foi a isenção de ICMS para as microempresas e a redução do imposto para as pequenas empresas.
“Tirando o imposto delas, elas puderam contratar mais empregados e manter o emprego daqueles que já trabalhavam na crise que nós vivemos na época. Isto refletiu sobre toda a economia. Com mais gente trabalhando, recebendo salário, aumentaram as compras de alimentos, roupas, sapatos e eletrodomésticos”, relatou.
“É o círculo virtuoso da economia”, definiu Requião, lembrando que quando a crise econômica mundial atingiu o Brasil em 2008 ele cortou o imposto de cem mil itens de consumo mais frequentes e a economia do Paraná se manteve fortalecida. As médias e grandes empresas também contaram com uma nova política fiscal, possibilitando a ampliação e instalação de mais empresas no Estado.
“Aquelas empresas que se instalaram em regiões mais pobres do Paraná ganhavam incentivos fiscais”, recordou. “Esta é a minha experiência. E eu quero discutir a minha experiência com todos os candidatos ao governo dos Estados do Brasil. O que estes candidatos fizeram? O que eles propõem para criar mais empregos e mais salários para os seus Estados? O que eles propõem para os nossos trabalhadores?”.