Página IncialNotíciasHoje, a convicção do juiz vale mais do que a lei, avalia Requião na CCJ

Hoje, a convicção do juiz vale mais do que a lei, avalia Requião na CCJ

Na sessão desta quarta-feira (4) da Comissão de Constituição e Justiça, que sabatinou o juiz federal Valter Shenduener de Araújo, candidato à recondução ao Conselho Nacional do Ministério Público, o senador Roberto Requião se disse estupefato com a subversão das leis e da Constituição, agora substituídas pelas convicções pessoais de magistrados e procuradores.

Veja a intervenção do senador: 

2 comentários em “Hoje, a convicção do juiz vale mais do que a lei, avalia Requião na CCJ

  1. Esse de Juiz julgar não de acordo com a Letra Fria da Lei mas de acordo com as suas concepções jurídicas, filosóficas e políticas, às vezes até político-partidária deveria ser objeto de total reprovação por parte da sociedade.

Comments are closed.