Página IncialNotíciasRequião faz chegar a Dilma denúncia de extorsão contra Grupo Mascarello

Requião faz chegar a Dilma denúncia de extorsão contra Grupo Mascarello


20110323102719000000-req_ent_tv_1
A denúncia de corrupção envolvendo oficiais que cobraram suborno do Grupo Mascarello, fabricante de ônibus do Paraná, está na revista Veja desta semana. O Grupo procurou o senador Roberto Requião (PMDB/PR), que fez o caso chegar a presidente Dilma Rousseff.

Em novembro do ano passado, a empresária Iracele Mascarello, dona do Grupo Mascarello, procurou Requião para contar que tinha vencido uma licitação para vender 65 ônibus, por R$ 17,8 milhões, ao Batalhão da Guarda Presidencial (BGP), o grupamento que cuida da segurança pessoal do presidente da República.

Conforme reportagem da Veja, Iracele disse ao senador que, às vésperas da assinatura do contrato, oficiais do Exército exigiram propina para formalizá-lo. Caso contrário, nada feito. A proposta foi feita ao representante da empresa em Brasília, Ivan Paiva, que se reuniu com os achacadores, duas vezes, em restaurantes da capital.

A revista informa que Requião, que, quando era governador, assinou contratos com a Mascarello e, portanto, conhecia a empresária, levou o caso adiante. O senador contatou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, que é filho de general e irmão de coronel, e narrou-lhe a tentativa de achaque perpetrada por oficiais contra a empresa paranaense.

O ministro repassou a denúncia ao comandante do Exército, general Enzo Peri, e à presidente da República. Dilma — que já demitiu sete ministros acusados de corrupção e tráfico de influência — determinou a abertura imediata de uma sindicância: “Eu vou dar doze horas para o Comando do Exército resolver isso”. Depois da intervenção presidencial, a denúncia começou a ser apurada, e o contrato do Exército com a Mascarello foi assinado.

Leia a matéria completa:

http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/politica-cia/roubalheira-ate-no-quartel-general/#more-459453

3 comentários em “Requião faz chegar a Dilma denúncia de extorsão contra Grupo Mascarello

  1. Prezado Senador Roberto Requião.

    É de políticos como V. Exa., que o Brasil precisa, não tem medo de denunciar as
    falcatruas. Não foi a toa que fora por 3 vezes Governador do Paraná. Hoje estamos
    aí com um Governo de marca “GUMEX” ou “OLÉO GLOSTORA”, e que nada fez e nada fará. Foi assim na Prefeitura e continuará. Precisamos extirpar da Política
    Paranaense esses nepóticos, que representam somente os Grupos econômi –
    cos achacadores do povo Paranaense.
    Talvez, V. Exa., pudesse sugerir à Presidente para substituir os Dirigentes das
    pastas militares para oxigenar às Forças Armadas, com projetos mais sólidos,
    para a Preservação de nossa Amazônia e da Soberania Nacional, que está à
    mercê de Grupos Econômicos estrangeiros, como uns verdadeiros “Xupa Cabras” do povo Brasileiro.
    Parabéns e aguardamos seu retorno ao Governo do Paraná em 2014.

    Renato José Soika
    Associaç. Benef. dos CB,s e SD,s do Paraná

  2. CADA POVO TEM O GOVERNO QUE MERECE. ELES NÃO QUERIAM ESTA AÍ. SAUDE FALIDA, EDUCAÇÃO EM CANGALHOS, SEGURANÇA PUBLICA SUCATEADA, DENUNCIAS DE CORRUPÇÃO POR TODOS OS LADOS, MENSALÃO, DOLAR NA CUECA, CONDENAÇÕES POR FORMAÇÃO DE QUADRILHA E LOGO ELES QUE SEMPRE FORAM OS FISCAIS DA HONRA ALHEIA, ATACAVAM A TODOS, O CONGRESSO, SARNEY, MALUF, E HOJE SÃO ALIADOS DOS PETRALHAS. UMA ORA A CASA CAI É QUESTÃO DE TEMPO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *