As perdas geradas por erro do DER E AGENCIA REGULADORA FOI DE NOVE BILHÕES E NOVECENTOS MILHÕES ,com esse dinheiro compraram a concessão do aeroporto Afonso Pena. Ninguém preso? Ninguém processado? Onde anda o Ministério Público?RATAZANAS?

Cerca 6 minutos atrás from Roberto Requião's Twitter via Twitter for iPhone



Página IncialNotíciasRequião faz apelo aos verdadeiros peemedebistas e ao Brasil

Requião faz apelo aos verdadeiros peemedebistas e ao Brasil

28715317986_56b359ac15_kO senador Roberto Requião comparou nesta quarta-feira (3), no plenário, os dois governos comandos por peemedebistas, o do interino Michel Temer e a gestão de José Sarney (1985-1989), e fez um apelo aos verdadeiros militantes do partido e aos brasileiros para que recusem o impeachment da presidente Dilma. Na comparação das duas administrações, o senador elencou as medidas de defesa dos trabalhadores e da soberania nacional da presidência Sarney e os atentados à CLT e à independência brasileira praticados pelo governo interino.

Veja o vídeo com o discurso do senador Roberto Requião e parte do texto do pronunciamento.

TEXTO DO PRONUNCIAMENTO

Para ler, clique no documento abaixo em formato .PDF

carta do presidente sarney

Para ler, clique no documento abaixo em formato . DOCX

carta do presidente sarney

Um comentário em “Requião faz apelo aos verdadeiros peemedebistas e ao Brasil

  1. Prezado senhor Senador,
    Roberto Requião, de quem sou um admirador:

    A despeito das medidas tidas como de grande importância para a redemocratização do nosso querido Brasil, adotadas pelo ex-Presidente Sarney, não poderia deixar passar em brancas nuvens, as más consequências de algumas atitudes nefastas da sua Administração entre março/1985 a março de 1990.
    Sarney, através da influência do já falecido mafioso, Roberto Marinho, entregou o Ministério das Comunicações ao também, já falecido escroque, Antônio Carlos Magalhães, tornando, ainda mais nefasta a influência e poderio da famigerada Rede Globo e todo o conglomerado do qual faz parte.
    A prova insofismável dessa afirmação é o resultado desse farsesco processo de impeachment , sem um crime de responsabilidade que lhe dê esteio. É irrefutável a alegação de que sem a Globo e seus quejandos esse desmanche do Estado de Direito não se consolidaria.
    Por fim, e, para não tornar-me prolixo, o ex-Presidente Sarney, nomeou, afirma-se, após, as bençãos do mesmo Roberto Marinho o dublê de economista Mailson da Nóbrega para o Ministério da Fazenda, que com sua total incompetência e, ignorância em conhecimento Macro-econômico, impôs ao Sarney um desastroso encerramento de mandato com uma hiperinflação de 84,5% ao mês, gerando o “fenômeno” Fernando Collor de Mello e, alçando-o ao cargo-mor do Poder Executivo Federal, impondo-nos um dos piores bufões da política brasileira com as consequências por todos conhecidas.
    Se, Sarney, como afirma o nobre senador, que era bem intencionado e, também, tal qual o senhor um nacionalista e, deu no que deu, resta-nos uma dúvida no mínimo assombrosa: o que nos legará em termos de futuro político, econômico, e social um patife do naipe de um Michel Temer e sua gang?

Comments are closed.